‘Sei não, fia, esse negócio de FIT’

– O que foi o FIT pra você? – a moça pergunta para uma mulher de cabelos brancos presos num coque que passa com uma sacola plástica enrolada a um dos braços.
– FIT? Só vim receber minha aposentadoria…
As duas agora estão paradas no meio do Calçadão. A moça responde à mulher: – O FIT, Festival Internacional de Teatro, tem todo o ano aqui em Rio Preto. A senhora não ouviu falar, não viu nenhuma peça?

– Sei não, fia, esse negócio de FIT. Eu não tenho dinheiro pra ir ao teatro – a mulher fala encabulada, e coça a cabeça.
– Mas não é bem assim, deixa eu explicar: tem muita coisa de graça. E não é só peça, tem palestras, oficinas, muita coisa que estimula a gente a pensar… e não precisa pagar nada. O FIT deste ano terminou ontem, por isso que eu fiz a pergunta.
– Ah, é? Hum… Acho que tô começando a entender o que você tá dizendo… – diz a mulher.

Ela parecia apressada no começo, mas muda de ideia e se posiciona bem de frente para a moça, e continua a falar.
– Olha só… até sei de umas coisas que aconteceram lá no meu bairro e acho que eram desse FIT. Todo dia tinha um pessoal reunido ali na creche fazendo uns exercícios de teatro, ouvi música vindo de lá também.

– Sim, é como se a cidade ficasse dez dias respirando teatro. E olha, quem assistiu a uma peça de Rio Preto, ou infantil, entrou de graça. E teve grupos de fora, de outros Estados e países se apresentando. Teve também muita peça de rua, com teatro nas praças, nos parques…

A mulher dá uma risada.
– Ah, bem que outro dia eu fui comprar uma carne moída pra fazer de mistura e vi um pessoal fantasiado ali na praça em volta de uma caixa de madeira bem grande. Fiquei curiosa, mas tava com pressa pra colocar o almoço no fogo…
– Hum, que pena – diz a moça.

A mulher continua: – Aí, naquele dia mais tarde, meu neto, que tá de férias, me contou que tinha visto esse teatro da caixa. Nem foi jogar bola por isso.
– E ele gostou?
– Fia, não fiquei perguntando, mas pra ele ter deixado o futebol, deve ter gostado, viu. Agora deixa eu ir pro terminal. E ano que vem, se eu estiver ainda aqui na terra, quero ficar de olho nesse FIT.

Anúncios

Uma resposta to “‘Sei não, fia, esse negócio de FIT’”

  1. Carla Nassif Says:

    ahahaha. adorei!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: