Archive for janeiro \15\UTC 2011

Presente de grego

janeiro 15, 2011 -
 

Depois de dois anos, resolvi cumprir a promessa e meus sobrinhos ganharam uma piscina daquelas de plástico de presente de Natal. Levei até a casa deles domingo à tarde e meu irmão precisou largar a churrasqueira e as visitas de lado e montá-la na mesma hora.
O primeiro impasse foi o local onde ficaria o brinquedo. O quintal dos fundos foi de cara descartado por ser muito pequeno. Na garagem, onde tinha espaço de sobra, haveria o inconveniente de ficar à vista de todos os pedestres, além da possibilidade de todas as crianças da vizinhança, que são muitas, baixarem lá. A solução então foi montar o presente na lavanderia.
O segundo passo: pensar no que fazer com a Hanna, a boxer albina da família. Afinal, qquer pulo mais afoito sobre a borda da piscina poderia significar adeus às tardes refrescantes nas férias de meus dois sobrinhos.
Colocamos a bichinha na área da frente. Inconformada, ela latia e batia com as patas no portão do corredor. Ao mesmo tempo, a piscina ia enchendo.
Quase duas horas depois, imaginamos que estava tudo pronto. Ou quase. Descobrimos que a bolha que meu sobrinho tinha no pé na verdade se tratava de uma micose. Sim, bicho geográfico para ser mais exata. Provavelmente você tb já teve ao menos uma vez na sua infância, principalmente se brincava na rua e gostava de rolar em montes de areia.
Como ninguém na família tem coração de pedra, mto menos meu irmão, a piscina foi liberada para meu sobrinho e o bicho geográfico que o acompanhava. Porém, apareceu outra dúvida: e minha sobrinha, poderia entrar na água tb?
Minha cunhada não titubeou e veio com a solução. “Pode entrar, depois passo a pomada contra micose nos dois.”
Nunca imaginei que uma piscina de plástico pudesse se transformar em um problema. Acho que a gente só descobre uma coisa dessas quando vira adulto mesmo.

 
 
 
Anúncios